Uma Idéia Meio Radical

Você começa a ficar preocupado com o João Victor quando ele escreve e grava vídeo sobre Amor. Quando ele faz isso duas vezes numa semana, pode começar a chamar ele de louco. Os meus motivos para me concentrar tanto nesse tema essa semana, por outro lado, são bem nobres. Quero na verdade sugerir a idéia de que mentiram para você sobre Ele esse tempo todo. Acredito que o Amor de Verdade, na real mesmo, não depende de outra pessoa.

Afinal, O Que É o Amor Verdadeiro?

Alguns dias atrás, postei um vídeo falando do Amor de Verdade, desses com Azão. Nele, eu prego que amor não se busca nos outros, mas se produz dentro e se expressa. Que Amor mesmo é a sensação que você tem ao viver uma experiência incrível, seja um salto de paraquedas ou uma noite em claro trabalhando com o que você ama. O Amor, eu postulo, é portanto uma força que independe da correspondência, ou mesmo da existência, de uma outra “pessoa amada”.

Não é que eu seja contra relacionamentos, nem de longe. Mas acredito que as formas de amor mais puras são inerentes ao ser humano. Acredito que, como por exemplo com um filho, não dependemos dele nos amar de volta. Outro exemplo que eu dou é o Propósito, uma decisão de carinho seu pelo mundo, que independe de qualquer pessoa. Lógico que você fica feliz ao ser reconhecido pelo seu trabalho, mas fazê-lo é em si a própria recompensa.

Na Paisagem Da Noite Mineira

O outro vídeo que postei essa semana sobre esse assunto é uma poesia, gravada em 2 minutos, condensada ao máximo para caber num formato mais artístico. Hoje vamos mais fundo nesse assunto, e destrinchamos o que eu realmente queria dizer. Nos próximos 13 minutos vamos falar da diferença entre o amor romântico de filme aquele que vibra seus ossos, molha sua pele, arrepia seu pelo e arregala seus olhos. Aquele que, na minha humilde opinião, é o verdadeiro. Aquele que não precisa de nada nem ninguém, porque é só uma expressão do que você tem aí dentro.

Aliás esse tema não é nem um pouco novo no meu canal. Veja esse link com tudo o que já falei sobre isso.