Uma Tarde de Abordagens

Desde 2015 que eu falo muito a tal da “Confie no CAOS”, mas semana passada tive uma experiência que me ensinou mais ainda sobre o tema. Eram duas da tarde de um Domingo quente quando eu e Diego chegamos na Praia de Copacabana para gravar. Tínhamos decidido fazer demonstrações em campo e conteúdos e para mim, ia ser com certeza um momento de fortes emoções.

O Diego está acostumado a gravar infields de dia, abordando mulheres e fazendo a mágica dele em várias cidades do Brasil. Já eu estava gravando uma demonstração de dia pela primeira vez. Confesso que estava um pouco agitado. Fazia tempo que eu não gravava nenhum infield e sinceramente compartilho de algum receio em abordar aleatoriamente numa das cidades mais violentas do mundo…

Meu brother já tinha feito 2 abordagens, incluindo uma que eu filmei e que resultou num beijo em 13 minutos. Vi uma moça andando com uma uma senhora de idade e abordei. Estava levando a mãe, que gostou da minha atitude, para caminhar um pouco, e não gostou muito de ser interrompida. Tudo certo, próxima.

Confie para Estabelecer Confiança

E foi aí que vi uma menina, parecendo gringa, andando muito rápido no calçadão. Ela parecia estar com pressa, mas algo me chamou atenção nela. Diego já tinha me dado umas instruções para melhorar após a outra abordagem e eu senti que podia vencer esse receio. Os pensamentos vieram. E se ela pensar que eu sou um assaltante? E se ficar com medo? Não importa, eu vou. Zero segundos. Vamos lá.

O vídeo dessa abordagem sai em breve, mas o relato do que rolou está bem aqui: