Evite Julgar Pelas Aparências

Esse artigo sobre Aparências começa com uma história bem interessante. Há 8 anos aconteceu o fenômeno mundial chamado Susan Boyle. Caramba. Como a própria apresentadora do “Britain’s got talent” disse, aquilo foi um enorme “Wake up call”, um baita despertador para todos.

Caso você não se lembre, uma mulher de 47 anos, aparências questionáveis e maneiras esquisitas se apresentou no programa britânico em 2009. Ela deixou o mundo todo de queixo caído. O choque de realidade produzido pelo contraste entre o estereótipo de mulher “feia” e sua performance cantando “I dreamed a dream” gerou mais de 206 milhões de visualizações no Youtube. Coloquei o link no final deste artigo para quem ainda não viu. De qualquer maneira vale a pena.

Julgar Faz Parte Do Ser Humano

Nós categorizamos e estereotipamos o tempo todo. É um mecanismo resultante do nosso processo evolutivo e nos ajuda muito a tomar decisões mais rápidas. Encaixamos tudo que podemos, inclusive pessoas, em pequenas caixas de características similares, e isso nos ajuda a poupar tempo. Se não tivermos que identificar as peculiaridades individuais de cada um, temos rapidamente uma noção das características daquilo que estamos tentando entender e assim podemos tomar uma atitude de maneira mais eficiente.

As opiniões sobre esse traço do ser humano divergem. Alguns acreditam ser necessário para nos manter funcionando de maneira saudável, visto que nós temos uma necessidade de sentirmos que estamos com tudo sob controle, ou seja, que entendemos o mundo e a sociedade em que vivemos. Por outro lado, hoje em dia, não corremos mais perigo de vida quando conhecemos alguém. Isso faz com que esta categorização muitas vezes tenha um caráter negativo . E isso cria implica em traumas a nossa sociedade. O que precisamos todos ter em mente, sempre, é que, como diz Steven R. Covey “Nós vemos o mundo, não como ele é, mas como nós somos – ou, como estamos condicionados a ver”.

Focando No Que Você Representa!

Com tudo isso que vimos, e para o caso da dinâmica social entre homem e mulher, é natural quando assumimos que mulheres preferem caras que são ricos, bonitos e musculosos. Afinal, este é o nosso estereótipo para o macho alfa. Da maneira que eu enxergo, o problema é que muitos de nós acabamos não encarando estes traços como consequências. Excluindo características genéticas sobre as quais pouca ou nenhuma influência temos, como altura, cor natural do cabelo ou olhos, os outros traços foram desenvolvidos.

Mulheres se sentem atraídas pelo que eles representam. Um homem musculoso demonstra ter um estima saudável para consigo, ele dá valor para seu corpo. Também mostra que ele é capaz de ultrapassar desafios e se comprometer com objetivos longos e difíceis. Se você se veste de maneira adequada, isso demonstra que você conhece bons costumes da sociedade, que tem bom senso. Se você tem boa postura e fala sem medo de ser ouvido, isso mostra que você tem confiança nos seus valores e não tem medo do julgamento das pessoas.

Guarde Suas Desculpas No Bolso

Muitas vezes caí na armadilha de julgar e dizer algo como “ah, mas ela só ficou com ele por causa da aparência” ou “claro, se eu fosse famoso”. Mas este tipo de pensamento só refletia o meu próprio ressentimento por não estar com aquela mulher. Eu sabia, no nível subconsciente, que nada me impedia de chegar em qualquer mulher e que o único culpado por eu não ter mais mulheres como aquelas na minha vida era eu mesmo. Mas estes pensamentos machucam, eu sei. Nosso ego detesta ser ferido, e acabamos adotando a saída que tira a responsabilidade de nós para não machucá-lo.

Eu acredito que para nós, que buscamos nossa melhor versão, a melhora na nossa aparência acontece de maneira natural, pois como discutimos anteriormente, ela é uma consequência dos nossos valores. Mas a aparência com certeza ajuda muito e vale a pena trabalhar nela de maneira intencional para termos essa ferramenta a nosso favor o mais rápido possível. Entretanto, não nos esqueçamos de que o que é realmente impactante é o que ela representa.

 

Susan Boyle – Britains Got Talent 2009 

 

Gabriel

Vida de Titã

youtube.com/vidadetita

facebook.com/vidadetita